Sobre o Curso

O Mestrado Integrado em Engenharia de Materiais tem como principal objetivo formar Engenheiros com capacidade de conceção e de integração de conhecimentos na área dos Materiais. O curso fornece uma sólida formação de base e permite aos alunos acompanhar a evolução dos conhecimentos e das tecnologias ao longo de toda a sua vida profissional.

Proporciona também uma formação avançada em Ciência, Tecnologia e Engenharia de Materiais, que lhes permita intervir, como especialistas e motores de inovação e criação de riqueza nas diversas áreas de atuação da Engenharia de Materiais.

Plano Curricular

Mestrado Integrado em Engenharia Materiais está dividido em 1º Ciclo e 2º Ciclo.

Duração normal do curso:

  • Licenciatura – 6 semestres
  • Mestrado – 4 semestres

Número de créditos para a obtenção do grau:

  • 180 ECTS – Licenciado (em Ciências de Engenharia de Materiais)
  • 120 ECTS – Mestre (em Engenharia de Materiais)

Tronco comum:

  • 270 ECTS

Coerência científica com os mestrados:

  • MMA;
  • MBioNano.

Saídas Profissionais

As atividades de trabalho de um engenheiro de materiais são inúmeras e podem incluir:

  • Avaliação de materiais com propriedades específicas (por exemplo condutividade elétrica ou reciclagem);
  • Seleção da melhor combinação de materiais para determinado produto;
  • Ensaios de materiais de modo a avaliar a resistência mecânica, química ou à corrosão e utilização de modelização computacional;
  • Desenvolvimento de protótipos;
  • Avaliação das possibilidades de reciclagem de produtos e impacto ambiental, tendo em conta fatores energéticos e económicos;
  • Adaptação de uma empresa ao desenvolvimento de novos processos e produtos;
  • Resolução de problemas durante os processos de produção de produtos;
  • Supervisão de controlo da qualidade, com recurso a legislação e normas adequadas;
  • Supervisão de procedimentos de inspeção, manutenção e reparação;
  • Ligação entre produção, suporte técnico, marketing e logística.

Vagas e Notas Mínimas de Seriação

Ano Vagas Nota Mínima de Seriação
2016/2017 25 155,5
2017/2018 25 159,8
2018/2019 25 160,3
2019/2020 25 160,3