Sobre o Curso

A Ciência e Tecnologia têm assumido um papel determinante na promoção da competitividade empresarial e do desenvolvimento económico sustentável e socialmente responsável. É com a motivação de valorizar a tecnologia nestas diversas vertentes que o Mestrado em Engenharia e Gestão da Inovação e Empreendedorismo visa formar profissionais qualificados em gestão de inovação, design thinking e desenvolvimento de novos produtos e serviços, empreendedorismo, comercialização de tecnologia, e políticas tecnológicas e setoriais, contribuindo para a formulação e implementação de estratégias empresariais e políticas públicas inovadoras.

Plano Curricular

O Mestrado em Engenharia e Gestão da Inovação e Empreendedorismo tem a duração de 4 semestres (2 anos), correspondentes a 120 ECTS, e é composto pelas seguintes componentes curriculares:

  • 1º ano (ECTS)

    • 48
    • 12
  • 2º ano (ECTS)

    • 12
    • 6
    • 12
    • 30

Plano Curricular

  1. Especialidade: Área Principal (60 ECTS)

    O Mestrado em Engenharia e Gestão da Inovação e Empreendedorismo (Major) desenvolve conhecimentos tanto na vertente de gestão e políticas setoriais (apoio à decisão, economia, gestão estratégica, comercial e de projetos) como na vertente do empreendedorismo (gestão da inovação, desenvolvimento de produto e de serviços, sustentabilidade, marketing).

    Este ciclo de estudos adquire ainda um caráter multidisciplinar ao complementar a formação com a componente de Engenharia, fundamental para compreender o papel desempenhado pela ciência, tecnologia e inovação na sociedade e no desenvolvimento económico.

  2. Opções Livres (18 ECTS)

    Parte do currículo são disciplinas de opção de áreas variadas relacionadas como a Gestão, Sustentabilidade, Energia, Sistemas de Informação, entre outras.

    Minors

    Poderão ser ainda creditadas atividades extracurriculares, num máximo de 6 ECTS.

  3. Projeto (12 ECTS)

    No Projeto de Mestrado, é definida a proposta de tese a desenvolver na disciplina de Dissertação, incluindo a revisão de literatura, objetivos e planeamento do trabalho.

  4. Dissertação (30 ECTS)

    A dissertação é o trabalho final do ciclo de estudos, permitindo a cada estudante debruçar-se e especializar-se sobre um assunto específico. Poderá ser realizado num dos seguintes âmbitos:

    • Tese Científica
    • Estágio em Empresa
    • Projeto multidisciplinar Capstone

Destinatários

O Mestrado em Engenharia e Gestão da Inovação e Empreendedorismo destina-se a recém graduados (1º ou 2º Ciclo) ou a profissionais com experiência empresarial e no sector público, com formação em qualquer ramo das Ciências, Engenharia, Tecnologia e Saúde.

O curso é lecionado em português podendo algumas unidades curriculares ser lecionadas em língua inglesa, caso existam alunos internacionais ou em programas de mobilidade inscritos.

Saídas Profissionais

Os potenciais empregadores encontram-se em setores como a Saúde, Tecnologias de Informação e Comunicação, Transportes, Energia, Ambiente, e ainda em empresas de consultoria ou financeiras (bancos, capital de risco, e sociedades de investimento).

Estes profissionais poderão também ocupar posições de relevo no setor público, incluindo agências reguladoras, entidades associadas à promoção do desenvolvimento empresarial, científico e tecnológico.

Poderão ainda assumir posições de relevo na transferência de tecnologia em universidades e unidades de investigação, e em todas as atividades que envolvam a avaliação, desenvolvimento e promoção de projetos de comercialização de produtos e serviços inovadores, bem como ao nível da análise e formulação de políticas setoriais e de ciência, tecnologia e inovação.

Condições de Acesso

Podem candidatar-se a um 2.º ciclo do Técnico estudantes que:

  • sejam titulares de uma formação de 1.º ciclo na área de Ciências e Tecnologia (excetua-se o caso do 2.º ciclo em Arquitetura que pressupõe uma formação de 1.º ciclo em Arquitetura);
  • sejam detentores de um currículo escolar, científico ou profissional, que ateste a sua capacidade para realização do mestrado a que se candidatam.

Os candidatos são seriados segundo os seguintes critérios:

  • Afinidade entre o curso que possuem e o curso a que se candidatam;
  • Natureza do grau que possuem;
  • Sucesso escolar no curso que frequentaram.

Nota: caso seja solicitado, poderão ser valorizados o currículo académico, científico ou profissional e a prestação do candidato em entrevista.

Núcleos de Estudantes

Os alunos do Técnico dinamizam autonomamente e proativamente projetos que complementam o seu percurso académico, como os Núcleos de Estudantes, nos quais adquirem competências e mais-valias que os tornam mais competitivos no mercado de trabalho.