Avisos à comunidade Técnico sobre o COVID-19

(última actualização: 17 de Outubro 2020)

O Instituto Superior Técnico segue atentamente os desenvolvimentos relativos ao Coronavirus/COVID-19, nomeadamente as recomendações do Governo, da Tutela e da Direção Geral da Saúde sobre as medidas administrativas a implementar.

Chamamos a vossa atenção para os seguintes conselhos e recomendações:

Plano de desconfinamento

Programa de testagem coronavírus 2020/2021:

Como complemento às medidas de desconfinamento do Técnico foi desenvolvido, com o apoio da Universidade de Lisboa, um extenso programa de testagem à COVID19. Esse programa permitirá fazer cerca de 25.000 testes ao longo do ano letivo, gratuitos para todos os membros da comunidade Técnico – alunos, funcionários e docentes. Os testes serão feitos por convocatória e visam rastrear, identificar e despistar casos possíveis de contágio, permitindo uma atuação célere no controlo da propagação comunitária do vírus nos nossos campi.

Plano de Prevenção e Atuação COVID 19 no Instituto Superior Técnico:

Para que a retoma à atividade presencial seja feita da forma mais segura possível foi elaborado um novo documento que procura orientar e ajudar a disseminar a informação necessária junto dos elementos da comunidade e dos visitantes da instituição.

Despacho do Presidente do Técnico sobre o uso obrigatório de máscara em todos os campi, incluindo em exteriores, e com indicações da localização das entradas únicas de cada campi – Ver o texto completo

Resultados dos testes à comunidade do Técnico

Período Testes efectuados Resultados Acumulado de positivos
9 a 16 de Outubro 376 13 positivos 3,5%

Atuação: contactos de proximidade dos membros positivos forma identificados e informados pelo NSHS. Foi identificado e contido 1 potencial surto de contágio (3 casos).

Comunicado do Presidente do Instituto Superior Técnico à comunidade

Recomendações específicas para a comunidade Técnico:

Nesta fase está prevista a manutenção de um conjunto de medidas de prevenção e contenção, a saber:

  • Estão suspensas as atividades lectivas presenciais nos três campi, desde dia 16 de Março. No site SARTRE há indicações para docentes, alunos e investigadores para o sistema de aulas e avaliações à distância.
  • O regime de teletrabalho vigorou até dia 31 de Maio, a partir de dia 1 de Junho entrou em curso a retoma da actividade presencial nos campi em regime de rotação nos serviços, para assegurar as actividades administrativas e de investigação do Técnico Lisboa.
  • O acesso aos edifícios do Técnico está condicionado, sendo possível com cartão de acesso ou mediante solicitação conforme explicado no Procedimento para acesso aos campi (ver abaixo).
  • Recomenda-se o auto-isolamento a todos aqueles que constituam casos suspeitos.
  • Irá manter-se o reforço da limpeza dos espaços com recurso a soluções desinfectantes, dando especial destaque a elementos sujeitos a manipulação intensa (corrimãos, maçanetas/puxadores de portas, botões de elevadores, etc);

Mediante a evolução da situação epidemiológica e de acordo com indicações do Delegado de Saúde e/ou outras autoridades competentes, serão despoletadas medidas adicionais.

  • No caso de qualquer membro da comunidade Técnico sentir algum dos sintomas do COVID19 em qualquer um dos Campi, ou residências, deve contactar os números de telefone indicados abaixo para ser encaminhado para a respetiva sala de isolamento. Na sala deverá contactar o SNS 24 – 808 24 24 24 e seguir as recomendações dadas.
    • Campus Alameda: Sala 2.14 – Pavilhão de Ação Social (Serviços de Saúde) Ext.
      2000 ou Telef.  218 418 000
    • Campus do Taguspark: Sala 2N12.2 Ext.
      5002 ou Telef.
      214 233 202
    • Campus Tecnológico e Nuclear: Sala do gabinete médico do CTN (pavilhão do LPSR)
      Ext. 2000 ou Telef.
      219 946 000
    • Residências: Deverão entrar em contacto com os vigilantes ou através do número 218 418 000

Se apresentar sintomas em casa, não deve vir para o Técnico e deve também contactar o SNS 24 (808 24 24 24).

A partir do dia 30 de março 2020 os Serviços de Saúde passam a funcionar às segundas, quartas e sextas-feiras das 9h às 15h com as seguintes valências:

  • Clínica Geral – Segundas e quartas-feiras das 11h30m às 13h;
  • Medicina Dentária – Urgências. Segunda-feira entre as 13h30 e as 15h00 e sexta-feira das 9h00 e as 13h;
  • Ginecologia – Urgências. Com marcação;
  • Psicologia – Sessões por Skype com o respetivo psicólogo. Poderão ser efetuados pedidos de primeira consulta (Skype);
  • Enfermagem – Com Marcação.

As marcações deverão ser feitas preferencialmente por e-mail para saude@tecnico.ulisboa.pt. Os Serviços de Saúde informam que a Norma 003/2020 de 16/03, atualizada em 22/03, da DGS, Ponto 5.6, permite que os utentes medicados para patologias crónicas mantenham os medicamentos habituais mostrando uma receita antiga. Caso observem os seguintes sintomas:

  • Febre;
  • Tosse;
  • Eventual dificuldade respiratória.

Devem contactar o SNS24 – 808 24 24 24.

Em caso de suspeita ou diagnóstico confirmado, deve reportar esta situação ao Instituto Superior Técnico, através do seguinte endereço de e-mail: COVID19_IST_Informacoes@tecnico.ulisboa.pt, ou através do número 218 418 000.

Procedimento para acessos aos Campi

Regras para entrada e comportamento nos Campi

  • Medição da temperatura à entrada do campus
  • Uso de máscara é obrigatório em toda a área do campus
  • Respeitar as regras de circulação e de lotação de espaços estabelecidas nos edifícios
  • Proibição de ajuntamentos com mais de 10 pessoas
  • Esteja atento aos horários de funcionamento estabelecidos para as diferentes atividades

Campus Tecnológico e Nuclear CTN, Sacavém

O acesso só será permitido a pessoas previamente autorizadas pela Gestão do Pólo de Loures.

Campus TagusPark, Oeiras

O edifício irá estar encerrado a pessoas exteriores ao Técnico.

  1. A partir de dia 1 de Junho passam a estar abertos das 10h-18h os seguintes espaços para alunos do Técnico: salas 1.17 e 0.71.
  2. Será permitido acesso de docentes, funcionários, investigadores e alunos de doutoramento aos seus gabinetes durante o horário de expediente (8h-18h), bastando para isso apresentar-se na portaria e identificar-se através do cartão do Técnico (ou do instituto de investigação), ficando o segurança com o registo do nome e n.º mecanográfico. Não serão permitidos acompanhantes.
  3. Fora do horário de expediente, os vigilantes deverão ativamente intercetar quaisquer transeuntes dentro do edifício e dar indicação para saírem. Em caso de recusa, o vigilante deverá exigir que o elemento se identifique como fazendo parte da comunidade Técnico, registando o seu nome e n.º mecanográfico, bem como o motivo para a sua presença nas instalações. Caso não seja facultada esta informação, o vigilante deve comunicar de imediato a Daniel Santos (daniel.neves@tecnico.ulisboa.pt).

Campus Alameda, Lisboa

  1. A partir de dia 1 de Junho passam a estar abertos das 10h-18h os seguintes espaços para alunos: Espaço 24h (“aquário”), no Pavilhão de Civil, as salas 5 e 9 do Espaço LTI-DSI, no Pavilhão do Jardim Norte
  2. Durante o horário de expediente (08h-18h), poderão circular pessoas no Campus. Os elementos da comunidade Técnico Lisboa (apenas docentes, investigadores, alunos de doutoramento/mestrado ou funcionários) poderão aceder aos edifícios e circular até onde o seu cartão e/ou chave lhe permitam. Nos casos em que houver autorização do NSHS para acesso a espaços (seja da comunidade IST, seja fora desta), o vigilante irá verificar se existe autorização para este efeito. Estas situações apenas serão permitidas mediante autorização prévia a conceder pelo CG que devem ser do conhecimento do vigilante para autorização. Independentemente desta autorização, todos os acessos desta natureza são registados pelo vigilante e reportados ao NSHS.
  3. Fora do horário de expediente, os vigilantes irão ativamente intersetar quaisquer transeuntes (fora ou dentro das instalações) e dar indicação para saírem do Campus. Em caso de recusa, o vigilante irá exigir que o elemento se identifique como fazendo parte da comunidade IST, registando o seu nome e n.º mecanográfico, bem como o motivo para a sua presença nas instalações. Caso não seja facultada esta informação, o vigilante deve comunicar de imediato ao NSHS.

Impacto nos Recursos Humanos:

Assiduidade

Após o dia 16 de março 2020, e, até nota informativa ou disposição legal em contrário, o controle de assiduidade será feito automaticamente pela DRH, utilizando o regime de teletrabalho com direito ao respetivo subsídio de refeição, exceção feita aos colaboradores que estarão a assegurar os serviços mínimos.

A partir de dia 1 de Junho 2020 há regresso dos serviços à atividade presencial, em regime de equipas espelho em turnos quinzenais, com marcação de ponto biométrico.

Férias

O gozo de férias do ano anterior, para além da data limite de 30 de abril de 2020, estará devidamente salvaguardado de acordo com as datas que as autoridades competentes venham a fixar, pendente de validação por parte do responsável hierárquico e autorização por parte do Conselho de Gestão.

IRS

As declarações de IRS respeitantes aos rendimentos auferidos em 2019 estão disponíveis no portal SAP.

Concursos

Com as devidas adaptações, mantêm-se a decorrer os procedimentos para abertura de concursos para celebração de contrato de trabalho, contrato de bolsa de investigação ou complementos de bolsa, assim como renovações e cessações de vínculos contratuais.

Comunicação com a Direcção de Recursos Humanos

  1. Sem prejuízo dos atos formais que obriguem à utilização de suporte físico documental, torna-se preferencial em toda a comunicação com a DRH a utilização de documentos em suporte digital (pdf ou imagem), utilizando para tal o sistema de RTs implementado (https://drh.tecnico.ulisboa.pt/contactos/); nesta comunicação digital incluem-se, por exemplo, atestados médicos, licenças de parentalidade ou reembolsos ADSE, devendo sempre ser guardados os documentos originais para posterior entrega no atendimento presencial da DRH; qualquer correção será feita à posteriori quando cessar a perturbação do normal e regular funcionamento do IST.
  2. Para além do uso preferencial do sistema de RTs, nesta fase, os serviços da DRH vão ter apenas atendimento não presencial, disponível através do telefone 218417033 (extensão 1033) ou, alternativamente, da conta skype “DRH-IST” (10:00 às 12:30; 14:00 às 16:30).

Como medidas gerais de prevenção recomenda-se:

  • Lavar frequentemente as mãos, com água e sabão, esfregando-as bem durante pelo menos 20 segundos ou em alternativa usar uma solução à base de álcool; Reforçar a lavagem das mãos antes e após a preparação de alimentos ou as refeições após o uso da casa de banho e sempre que as mãos estejam sujas;
  • Ao espirrar e tossir, tapar o nariz e boca com o braço ou lenço de papel que deverá ser colocado de imediato no lixo;
  • Evitar tocar nos olhos, no nariz e na boca com as mãos sujas ou contaminadas;
  • Usar lenços de papel (de utilização única) para se assoar; Deitar os lenços usados num caixote do lixo e lavar as mãos de seguida;
  • Se regressou de uma área afetada, evite contacto próximo com outras pessoas;
  • As viagens devem ser restringidas ao estritamente necessário, especialmente para as regiões de risco de transmissão activa na comunidade (indicadas pela DGS). Caso a deslocação seja considerada imprescindível, a marcação de viagem e alojamento deve ser feita com possibilidade de alteração da data ou cancelamento sempre que possível. Ao regressar recomenda-se o cumprimento do disposto na informação n.º 005/2020, de 27 de fevereiro e no despacho 2836-A/2020, de 02 de março.
  • No caso de regresso de região com risco de transmissão ativa na comunidade, deverá contactar de imediato o SNS 24 (808 24 24 24) e aconselhar-se relativamente à necessidade de adoptar medidas de isolamento profilático/quarentena.
  • Nos 14 dias após o regresso:
    • promover o distanciamento social, nomeadamente, não permanecendo em locais muito frequentados e fechados, sem absoluta necessidade (exceto atividades letivas e profissionais);
    • evitar cumprimentos com contacto físico.

Mais informações

Quaisquer novas instruções aplicáveis à Administração Pública, em geral, ou às Instituições de Ensino Superior Publico, em particular, serão imediatamente comunicadas à comunidade do Técnico, nomeadamente os mecanismos de justificação de ausência, caso tal situação se coloque.

A comunidade Técnico será informada sobre toda e qualquer nova medida ou desenvolvimento relativos a este assunto.

Contactos

Contacto preferencial para informações relativa ao coronavirus/COVID-19 no Técnico é o email. Pedimos que sejam indicados os seguintes campos:

  1. IST-ID
  2. Nome e apelido
  3. Aluno/Docente/Funcionário/Outro
  4. Esteve em áreas com transmissão comunitária
  5. Contactou com doente infetado
  6. Contactou a linha Saúde 24
  7. Observações relevantes
  8. Ações tomadas.

Enviar Email

Comunicados da Reitoria da Universidade de Lisboa sobre o COVID-19