Inscrição Geral no Semestre

No início de cada semestre, é necessária uma inscrição nas disciplinas desse semestre, bem como a reserva das turmas e dos turnos de cada aula. O processo decorre no sistema Fénix, com os seguintes passos:

1. Inscrição nas Unidades Curriculares

  • Aceder a Fénix > Estudante > Inscrever (barra lateral) > Disciplinas e selecionar as disciplinas que irá realizar.

2. Escolha de Turmas e Turnos

  • Para cada disciplina, deverá ser feita a reserva do turno para cada tipo de aula (teórica, problemas, etc), sendo que poderá existir mais do que uma turma, ou seja, mais do que um horário disponível.
  • Para adicionar o turno pretendido ao horário, deverá ser selecionado o símbolo (+) para cada tipo de aula, sendo que no caso das aulas teóricas, quando selecionada a primeira, as restantes serão também automaticamente selecionadas.
  • No final selecionar Terminado para que todas as escolhas apareçam no horário, disponível no menu Estudante > Consultar (barra lateral) > Horário.
  • A inscrição nas aulas de laboratório é realizada de acordo com as informações disponibilizadas pelos docentes responsáveis das disciplinas, sendo que a reserva de turnos poderá ser realizada de forma eletrónica ou presencialmente.

Nota: Os estudantes serão sempre considerados a frequentar os turnos em que foram colocados para efeitos de aulas teóricas, problemas, práticas, testes, exames, lançamento de notas, etc.

Para questões sobre reserva de turmas, turnos ou horários, nomeadamente situações de lotação máxima atingida, deverá ser contactado o Gabinete de Organização Pedagógica.

Componentes Curriculares de 1.º Ciclo

Humanidades, Artes e Ciências Sociais

Antes da inscrição nas disciplinas da componente humanística, cada estudante terá de se candidatar às opções pretendidas, podendo escolher até 6 unidades curriculares no ato de candidatura, ordenadas consoante a preferência. As candidaturas decorrem em dois períodos, um em cada semestre.

As disciplinas de Gestão e Introdução à Economia já se encontram previstas no plano curricular de cada curso, pelo que não será necessário efetuar candidatura neste caso.

A inscrição é realizada no Fénix, aquando da inscrição no semestre, depois de conhecidos os resultados de seriação.

Os critérios de seleção e a oferta estão disponíveis em:

Humanidades, Artes e Ciências Sociais

Opções Pré-Major

Estas unidades curriculares constam no plano curricular de vários cursos de 1.º ciclo (entre 3 a 12 créditos ECTS), mais especificamente no 3.º ano, permitindo a cada estudante escolher disciplinas de uma lista definida pela Coordenação do Curso.

A oferta deverá ser consultada na página Fénix de cada curso e a inscrição é realizada no Fénix, aquando da inscrição no semestre e nas restantes disciplinas.

Projeto Integrador de 1.º Ciclo

No último semestre do curso, todas as licenciaturas oferecem a disciplina de Projeto Integrador, que poderá ser realizado como:

  • Projeto em empresa (localizado numa empresa ou no Técnico),
  • Projeto científico (localizado num instituto de Investigação e Desenvolvimento ou no Técnico, com um ou mais alunos),
  • Projeto capstone (com vários alunos de cursos diferentes).

As modalidades oferecidas e o funcionamento desta unidade curricular são específicas de cada curso.

Os temas são disponibilizados no Fénix (menu Estudante) para que cada estudante possa efetuar a candidatura ao tema pretendido. O prazo de candidatura e inscrição será divulgado oportunamente.

Componentes Curriculares de 2.º Ciclo

Área de Especialização

A maioria dos cursos de 2.º ciclo oferece mais do que um percurso curricular, sejam áreas, ramos ou perfis de especialização.

A escolha é realizada no sistema Fénix, em simultâneo com a inscrição nas unidades curriculares do ano/semestre a partir do qual se inicie o desdobramento do plano de estudos em áreas de especialização (geralmente no 1.º ano do mestrado).

Uma vez escolhida, qualquer alteração estará dependente da aprovação da Coordenação de Curso e deverá ser solicitada, por requerimento, à Área de Graduação (estudantes do campus Alameda) ou à Área de Gestão Académica (estudantes do campus Taguspark).

Opções Livres

Em todos os cursos de 2.º ciclo, é dada a possibilidade de escolha de disciplinas de opção de qualquer área científica do Técnico ou da Universidade de Lisboa.

A inscrição em unidades curriculares do Técnico é realizada no Fénix, aquando da inscrição no semestre e nas restantes disciplinas, não sendo necessária aprovação por parte da Coordenação de Curso.

A inscrição em unidades curriculares de outras Escolas da Universidade de Lisboa é realizada por requerimento junto da Área de Graduação (estudantes do campus Alameda) ou da Área de Gestão Académica (estudantes do campus Taguspark), uma vez que é necessária validação por parte da Coordenação de Curso.

Minors

Os Minors são conjuntos de unidades curriculares correspondentes a 18 créditos ECTS que se inserem na componente opcional de cada mestrado.

A oferta é transversal a todos os cursos do Técnico, sendo que, caso as disciplinas de um determinado Minor sejam predominantemente da área científica de um curso, o acesso a esse Minor para estudantes desse curso estará interdito.

Antes da inscrição, cada estudante terá de se candidatar ao Minor pretendido, podendo escolher até 6 opções no ato de candidatura, ordenadas consoante a preferência. As candidaturas decorrem no prazo definido no Calendário de Prazos Académicos.

A oferta e os critérios de seleção de cada Minor estão disponíveis em:

Minors

Projeto Integrador de 2.º Ciclo

A maioria dos mestrados oferece uma disciplina de projeto que, caso seja um Projeto Integrador, poderá ser realizado como:

  • Projeto em empresa (localizado numa empresa ou no Técnico),
  • Projeto científico (localizado num instituto de Investigação e Desenvolvimento ou no Técnico, com um ou mais alunos),
  • Projeto capstone (com vários alunos de cursos diferentes).

As modalidades oferecidas e o funcionamento desta unidade curricular são específicas de cada curso.
Os temas são disponibilizados no Fénix (menu Estudante) para que cada estudante possa efetuar a candidatura ao tema pretendido. O prazo de candidatura e inscrição será divulgado oportunamente.

Dissertação

A última unidade curricular do mestrado é a Dissertação, que pode ser desenvolvida no Técnico ou no exterior.

Existe um conjunto de temas, na área de estudos do curso, aos quais cada estudante se poderá candidatar no sistema Fénix (Estudante > Candidatura a Dissertação), no semestre anterior à realização da tese. Além disso, o tema poderá ser proposto pelo estudante à Coordenação de Curso, sendo necessário o acordo de um professor da área que será o orientador.

No início de cada semestre, cada estudante terá de se inscrever na unidade curricular Dissertação, no período de inscrição no semestre, à semelhança das restantes disciplinas no Fénix (Estudante > Disciplinas).

Existem normas específicas definidas por cada Coordenação de Curso que prevêem o número mínimo de créditos ECTS aprovados e necessários para a inscrição na Dissertação, bem como o número máximo de créditos ECTS de outras UC em que cada estudante poderá estar inscrito em acumulação.

Mais informações sobre Dissertação

Creditação de Atividades Extracurriculares

A creditação de atividades extracurriculares visa estimular os estudantes a adquirirem, de forma diversificada e complementar, conhecimentos e competências comportamentais, sociais, culturais, científicas, tecnológicas e profissionais.

As atividades extracurriculares devem ser creditadas a pedido em uma ou duas unidades curriculares denominadas Atividades Extracurriculares I e II (AE I e AE II), correspondentes a 3 créditos ECTS cada, oferecidas em todos os cursos de 2.º ciclo. Podem ser realizadas em qualquer semestre e, inclusive, no 1.º ciclo (desde que não tenham sido contabilizadas para a obtenção do diploma desse ciclo).

Estas unidades curriculares incluem-se no grupo Opções Livres e cada estudante deverá submeter comprovativos da realização dessas atividades, por e-mail, junto da Área de Graduação (cursos do campus Alameda) ou à Área de Gestão Académica (cursos do campus Taguspark).

inscrição é realizada aquando da inscrição nas restantes unidades curriculares, no sistema Fénix.

Melhoria de Nota

A melhoria da nota final de uma disciplina poderá ser realizada uma vez no prazo de dois semestres consecutivos após aquele em que foi obtida aprovação ou equivalência a essa unidade curricular.

A inscrição é realizada no período definido no Calendário de Prazos Académicos, submetendo o requerimento para o efeito junto da Área de Graduação (estudantes do campus Alameda) ou à Área de Gestão Académica (estudantes do campus Taguspark), liquidando a taxa de emolumento (10€/UC).

Excecionalmente, no ano letivo 2021/22 não é possível realizar melhorias de nota de UC aprovadas antes da implementação do novo modelo de ensino.

Não é permitida a melhoria de classificação em Época Especial.

Época Especial de Exames

A existência de uma época especial tem como finalidade principal permitir que estudantes finalistas, a quem falta um número limitado de unidades curriculares, possam concluir o seu curso.

  • Cada estudante apenas se poderá inscrever para exame a um conjunto de unidades curriculares que não exceda 15 créditos ECTS.
  • O acesso à Época Especial apenas é possível para realizar exames de unidades curriculares a que o estudante esteve regularmente inscrito nesse ano letivo.
  • A inscrição realiza-se no Fénix (Estudante > Inscrever (barra lateral) > Época Especial) no período definido no Calendário de Prazos Académicos, após ser conferido o estatuto que confere o acesso à Época Especial de Exames, liquidando o emolumento respetivo (20€/exame).
  • Caso o estudante não possua esse estatuto ou tenha uma situação não contemplada no regulamento para o acesso a esta época de exames, deverá solicitá-lo submetendo um requerimento junto dos serviços académicos.
  • Não é permitida a melhoria de classificação em Época Especial.

Estão isentos do pagamento de emolumento os estudantes que beneficiam de apoio dos Serviços de Ação Social da Universidade de Lisboa (SASUL) ou da Associação dos Antigos Alunos do IST (AAAIST) e aqueles a quem foi reconhecido pelo Conselho de Gestão do Técnico o estatuto de Estudante com Necessidades Educativas, sendo no primeiro caso necessário apresentar prova da atribuição do apoio no ano letivo em vigor.

Informações sobre a Avaliação

Época Extraordinária de Exames

Têm direito à Época Extraordinária de Exames, estudantes detentores dos seguintes estatutos especiais:

  • Praticantes desportivos de alto rendimento
  • Estatuto de Dirigente Associativo Juvenil
  • Estatuto de Dirigente Associativo
  • Estatuto de Bombeiro
  • Estatuto do estudante atleta do ensino superior

Informações sobre Estatutos Especiais de Estudantes

O pedido de realização de exames em Época Extraordinária é realizado, mediante envio de requerimento livre para a Área de Graduação (estudantes do campus Alameda) ou à Área de Gestão Académica (estudantes do campus Taguspark).

A inscrição nos exames é, de seguida, realizada pelos serviços académicos referidos, após pagamento do emolumento respetivo (20€/exame).